Balas perdidas invadem casa no Jardim Catarina, em SG

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
O quarto da casa de um morador ficou marcado por tiros. Foto: via grupo Enfoco

O quarto da casa de um morador do Jardim Catarina, em São Gonçalo, ficou marcado por balas perdidas, na tarde desta quarta-feira (13), durante um confronto entre policiais militares do Batalhão de São Gonçalo (7°BPM) e criminosos na localidade conhecida como Guaxa.

De acordo com o proprietário da residência, o açougueiro Marcos Soares, de 37 anos, a filha estava no interior da casa quando teve início uma intensa troca de tiros, por volta das 11h30, na localidade. Durante a troca de tiros, o quarto da filha foi atingido e marcas puderam ser vistas na janela e na parede do cômodo. Apesar dos relatos de intensos confrontos entre policiais e traficantes, ninguém ficou ferido.

“Não sei o que poderia ter acontecido com a minha família. Só posso dizer que foi um livramento enorme em nossas vidas. Graças a Deus, não atingiu ninguém e nada de mais grave aconteceu. Livramento gigante em nossas vidas. Foram muitos tiros”, disse o açougueiro, que mora na localidade há mais de 10 anos.

Segundo a Polícia Militar, uma equipe do Batalhão de São Gonçalo (7°BPM) realizava patrulhamento de rotina pelo Jardim Catarina com o objetivo de intensificar o policiamento na área tendo em vista que criminosos da região haviam roubado um veículo na RJ-104, na altura do Laranjal, e estariam escondidos naquela regiãi. Durante a ação, os militares foram recebidos a tiros, dando início a um intenso confronto armado entre policiais e traficantes.

Na ação, dois homens foram presos e um material utilizado pelo tráfico de drogas, sendo uma pistola e drogas, foi apreendido pelos militares. Uma informação de que o líder da criminalidade na região, conhecido como ‘Cueca’, chegou a circular nas redes sociais, mas não foi confirmada pela polícia.

O caso foi registrado na Delegacia de Neves (73ª DP).