Campanha de doação de sangue coleta 120 bolsas em Maricá

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Ação conjunta da Prefeitura e Hemorio foi realizada neste sábado (23), no Centro. Foto: Divulgação

A Prefeitura de Maricá e o Hemorio se uniram para uma campanha de doação de sangue neste sábado (23), no CEM Joana Benedicta Rangel, no Centro. Os moradores da cidade abraçaram a causa e, em poucas horas, a meta de coletar 120 bolsas de sangue foi atingida. Cada bolsa de sangue ajuda até três pessoas.

Leomara Tavares, de 47 anos, participava da campanha pela segunda vez.

“Acho que a gente tem sempre que ajudar os outros. Amanhã pode ser que a gente precise de ajuda. Em cinco minutinhos você pode salvar três vidas”, disse a moradora do Centro.

Namorados há três anos, Rafael Pita, 19 anos, e Luisa Somaruga, 17 anos, resolveram doar sangue juntos, pela primeira vez.

“Era uma coisa que eu queria, mas tinha medo de agulha. Ela falou que viria e eu resolvi vir junto”, contou Rafael.

“Desde pequena eu pedia à minha mãe para doar sangue, mas não podia por causa da idade. Quando eu fiz 16 anos, não estava tendo campanha. Por isso, essa é a minha primeira vez”, comentou.

Morador de São José do Imbassaí, Rodrigo Monteiro, 42 anos, também fez a sua parte.

“Eu sou doador frequente. Sei da necessidade que os bancos de sangue têm pela falta de sangue no Estado. A quantidade de doadores é pequena para a quantidade de pessoas que precisam de doação. O que me trouxe aqui foi a consciência de poder fazer algo pela vida das pessoas”, opinou.

Campanha a cada quatro meses

O coordenador de Humanização da Secretaria Municipal de Saúde, Jessé Paz, disse que as campanhas são realizadas a cada quatro meses.

“Organizamos essa campanha para termos a constância de doadores da cidade, porque tem que ter um intervalo entre as doações. A gente tem um índice constante de acidentes na cidade”, disse.