Cauã Reymond relembra passado: ‘Ambiente da minha casa era violento’

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
O ator está no elenco da novela “Um Lugar ao Sol”. Fotos: Rede Social

Cauã Reymond relembrou dos problemas familiares e falou sobre sua difícil relação com os seus pais. O galã da novela
das nove, da TV Globo, contou momentos que viveu com a sua mãe, Denise Reymond, falecida em 2019 vítima de um câncer.

“O ambiente da minha casa era muito violento.Minha mãe já quebrou vassoura e duas raquetes em mim! Eu era um menino rebelde. Tinha muita energia e faltava um pulso masculino. Via o meu pai só duas vezes por ano”, contou o ator, em entrevista à revista ‘Ela’, do jornal ‘O Globo’

“Minha mãe não foi carinhosa e meu pai foi ausente, apesar de ter ido morar com ele. Não guardo rancor e abraço toda a minha história. Quando era mais novo, eu não abraçava”, completou.

Ao relembrar o comportamento da mãe diante de sua fama, o ator lamenta algumas situações que aconteceu.

“Ela era muito difícil. Uma vez, ligou para o editor de um jornal e inventou uma história. Os fofoqueiros tentavam falar com ela. Ela me ameaçava, fazia chantagem… Não foi fácil mesmo. Outra vez, comentei que ia a um programa e ela disse que ia também. Tentou bancar a mãe de miss, sabe?”, disse.

Já quando fala de seu pai, o psicólogo José Marques, Cauã reflete sobre o passado: “Ele era psicólogo, mas em casa não tinha nada de psicologia!”, garantiu.