Luccas Neto tem show cancelado em Niterói e comenta: “Inaceitável”

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Youtuber comentou o cancelamento em uma postagem no Instagram. Foto: Reprodução/Redes Sociais

Poucas horas após o anúncio do cancelamento do espetáculo “Luccas Neto e Os Aventureiros”, o youtuber Luccas Neto publicou um vídeo em seu perfil oficial do Instagram, na manhã deste sábado (14), classificando o episódio como: “Inadmissível, inacreditável e inaceitável”. O show seria realizado neste domingo (15), no Complexo Esportivo Caio Martins, em Icaraí, na Zona Sul de Niterói.

Outro artista que faria uma apresentação no ginásio é o humorista Mauricio Manfrini, conhecido com o personagem Paulinho Gogó, que também teve o cancelamento anunciado. O espetáculo “Fato Venério” estava marcado para acontecer neste sábado (14).

De acordo com a produtora do evento, a Terceiro Sinal Produções Artísticas LTDA, o ginásio não possui alvará do Corpo de Bombeiros para a realização dos espetáculos. A empresa informou que na próxima segunda-feira (16), será anunciada a forma de devolução dos ingressos pagos.

“O local de realização dos eventos, administrado pela Suderj, deixou de cumprir o Termo de Ajustamento de Conduta, o TAC (013/2019), firmado com o Corpo de Bombeiros, mesmo após notificação do Ministério Público do Rio de Janeiro (IC 2018.01259529). Sendo que a Suderj deixou de notificar, em tempo hábil, a produtora Terceiro Sinal, sobre o referido descumprimento e a impossibilidade de realização dos eventos”, informou a produtora.

O youtuber Luccas Neto se pronunciou em um vídeo publicado na conta oficial do Instagram. O artista se desculpou com os fãs e afirmou estar muito frustrado com o cancelamento.

“É inadmissível, inacreditável e inaceitável que o contratante nao tenha conseguido de forma legal essas documentações e só dar a notícia do cancelamento um dia e meio antes do show. É muito triste, a sensação que fica é de impotência, porque eu não tenho o que fazer. Todo mundo vai ter o dinheiro de volta, mas o que fica são os sonhos das crianças nesse momento”, comentou.

Em nota, o Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ) confirmou que o evento não foi autorizado pelo descumprimento do Termo de Ajuste de Conduta (TAC), no que diz respeito à segurança contra incêndio e pânico, assinado junto à corporação. 

A administração do Caio Martins tambem emitiu uma nota e afirmou que comunicou aos produtores culturais a necessidade de suspensão de uso do espaço para a realização de eventos de grande porte, “visando a segurança de todos e atendendo a adequação do Termo de Ajuste de Conduta, estabelecido com o Corpo de Bombeiros”.

“Melhorias e regularizações estão sendo realizadas para que em breve possa retornar a sediar shows e eventos, e que enquanto isso, dá continuidade às atividades esportivas que acontecem no local”, acrescentou a nota.