Preço dos testes dispara na rede pública em Niterói e região

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
A Abramed alerta sobre uma possível falta de estoque de testes devido à alta procura em todo o país. Foto: Alex Ramos

A chegada da variante Ômicron fez disparar a corrida por testes de Covid-19 em diferentes municípios do estado. Por consequência, laboratórios e farmácias elevaram os preços às alturas. Em Niterói, por exemplo, já há dificuldade para agendar o serviço na rede privada, enquanto postos e policlinicas já estão lotados de suspeitos contaminados. Nesta quinta-feira (13), apenas em uma drogaria de Icaraí, o agendamento disponível era a partir do próximo dia 20. Existem outras, de pouca divulgação, onde ainda é possível agendar para o mesmo dia. No entanto, o interessado terá de pagar quase R$ 200,00 para um teste, que chegou a ser comercializado a R$ 50,00.

O valor do antígeno nasal está sendo vendido por cerca de R$ 100,00, neste início de janeiro — contra R$ 70,00 comercializados em novembro do ano passado — em uma farmácia na Zona Sul. Um funcionário, que preferiu ter a identidade preservada, garante que a alta foi de 42%, no período de apenas dois meses.

Uma mesma rede de farmácias, em bairros diferentes, ofertava valores distintos de testes rápidos. No Fonseca, na Zona Norte, o exame de antígeno girava em torno de R$ 89,90, enquanto no Centro, o mesmo teste custava R$ 110. O resultado sai em até 20 minutos.

Ainda na Região Central de Niterói, o teste RT-PCR chegou a R$ 134,99 em uma drogaria na Rua da Conceição. Já o teste rápido estava a R$ 89,99, no mesmo local, com atendimento por ordem de chegada. Na Avenida Feliciano Sodré, um teste de RT-PCR pode ser encontrado por R$ 150,00, com marcação ainda para o mesmo dia.

Positivo

Nos primeiros sete dias do ano, o número de testes positivos para coronavírus já superou todo o mês de dezembro no país. É o que apontam indicadores da Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma) e da plataforma Clinicarx.

Baseada em dados de 4.613 farmácias, a pesquisa indica 145.673 infectados no intervalo entre 3 e 9 de janeiro. O volume é 54% maior que o da semana anterior ao estudo – 94.540 – e é três vezes superior ao índice de novembro, que foi de 50.243.

O total de atendimentos chegou a 482.126, uma procura 70% acima da semana anterior à pesquisa.

“O percentual de confirmações de coronavírus caiu de 33,32% para 30,21%. Mas ainda assim, é um dado alarmante. Praticamente uma em cada três pessoas que entra na farmácia recebe o diagnóstico”

Sérgio Mena Barreto, CEO da Abrafarma

Em todo o Rio de Janeiro, foram realizados 64.067 mil testes em farmácias, no mês de dezembro. Desse total, 14,5 mil foram positivados, representando uma taxa de 22,65%. Ocorre que, apenas nos primeiros dias de 2022, já foram coletados 48.271 exames, com 18.064 mil testes positivos: uma alta de 37,42%, que supera todo dezembro passado.

Diante da explosão da demanda, atípica para um início de ano, a Abrafarma recomenda que apenas pacientes com sintomas da Covid-19 procurem uma farmácia para a realização do teste rápido, mediante agendamento.

Ômicron

Com números em queda livre desde agosto, o combate à pandemia vem sofrendo um revés desde o mês de dezembro, com a chegada da variante Ômicron. Em relação a novembro, o contingente de casos quase triplicou.

Gráfico: Abrafarma

Desabastecimento

A Associação Brasileira de Medicina Diagnóstica (Abramed), através de seu Comitê de Análises Clínicas, alertou sobre uma possível falta de estoque de testes devido à alta procura. Por meio de nota, orientou a utilização criteriosa de testes para evitar risco de redução de oferta de exames para detecção da Covid-19.

‘A importância da testagem de toda a população para controle epidemiológico e manejo de pacientes em uma pandemia é reconhecida por todos os profissionais de saúde e até mesmo por pacientes. Todavia a Abramed alerta que, assim como em outras partes do mundo, a alta demanda de exames laboratoriais para o diagnóstico da Covid-19 trouxe ao setor de medicina diagnóstica brasileiro a preocupação com a falta de insumos necessários para a realização desses exames’

A Abramed também lembrou que a alta transmissibilidade da nova variante Ômicron causou aumento exponencial de casos, o que vem demandando significativo aumento da capacidade produtiva global de testes, tanto de PCR como de antígeno. Pontuou, também, que se os estoques não forem recompostos rapidamente poderá ocorrer a falta de oferta de exames.

“Quando avaliamos as notícias que vêm de outros países, de que eles já estão sem insumos, é certo que o problema chegará ao Brasil, não sendo possível mensurar nesse momento até quando poderemos atender, pois os estoques são variados dependendo do laboratório e da região, mas há um risco real de desabastecimento”, alerta.

Dessa forma, é recomendado aos associados a priorização de pacientes para efetuarem os testes, segundo uma escala de gravidade a seguir:

  • Pacientes que tenham maior gravidade de sintomas
  • Pacientes hospitalizados e cirúrgicos
  • Pessoas no grupo de risco
  • Gestantes
  • Trabalhadores assistenciais da área da saúde,
  • Colaboradores de serviços essenciais

Outras entidades do setor de saúde também estão sendo contatadas pela Abramed, como a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), Ministério da Saúde, Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp), Associação Médica Brasileira (AMB), e outras entidades congêneres.

Onde fazer

Em Niterói, a prefeitura disponibliza testagem em diferentes unidades de saúde e também em sistema drive-thru. Foto: Douglas Macedo / Ascom Niterói

A Prefeitura de Niterói dobrou, na última terça-feira (11), o número de guichês de atendimento para testagem de Covid-19 no modelo drive-thru. A testagem, que está sendo feita mediante agendamento na plataforma Dados do Bem, disponível para quem apresentar sintomas gripais (1º ao 8º dia) ou que tiver contato com casos confirmados. A testagem também está disponível em Policlínicas, Unidades Básicas e unidades do Programa Médico de Família.

A testagem, rápida por antígeno, está acontecendo no Campus da UFF do Gragoatá, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h (aberto ao público até às 16h) e sábado, das 8h às 12h (aberto ao público até às 11h). Além dos motoristas, pedestres também são atendidos.

Além do drive-thru, o município oferta testes rápidos de antígeno para Covid-19 nas Policlínicas, Unidades Básicas e unidades do Programa Médico de Família. Já o teste swab para RT PCR é realizado nas oito Policlínicas Regionais e na Unidade Básica Centro.

Locais

POLICLÍNICA REGIONAL DR. CARLOS ANTÔNIO DA SILVA
Rua Jansen de Mello s/nº – São Lourenço
Tel.: 2717-1426 / 2719-0050 / 2721-0059

POLICLÍNICA REGIONAL DR. SÉRGIO AROUCA
Praça Vital Brazil s/nº – Santa Rosa
Tel.: 2711-2366 – 2710-9176

POLICLÍNICA REGIONAL DR. GUILHERME TAYLOR MARCH
Rua Desembargador Lima Castro, 238 – Fonseca
Tel.: 2626-4170

POLICLÍNICA REGIONAL DO LARGO DA BATALHA DR. FRANCISCO DA CRUZ NUNES
Rua Ver.Armando Ferreira, 30 – Largo da Batalha
Tel.: Tel.: 2616-3633 / 2710-1053 / 2710-7100

POLICLÍNICA REGIONAL DE ITAIPU ASSISTENTE SOCIAL MARIA APARECIDA DA COSTA
Est.Engenho do Mato s/nº – Itaipu
Tel.: 2609-6368 / 2709-1579

POLICLÍNICA REGIONAL DA ENGENHOCA DR. RENATO SILVA
Avenida João Brasil, s/nº – Engenhoca
Tel.: 2628-8047 / 3603-8874

POLICLÍNICA REGIONAL DO BARRETO – Dr. João da Silva Vizella
Rua Luiz Palmier, 726 – Barreto
Tel.: 2719-0141 / 2719-6861

POLICLÍNICA REGIONAL DE PIRATININGA – Dom Luiz Orione
Rua Marcolino Gomes Candau, 111 -Piratininga
Tel.: 3701-8271 / 2618-2654

Maricá

Em caso de sintomas da Covid-19, como cansaço, dores pelo corpo, cabeça e garganta, o cidadão de Maricá deve procurar um dos polos exclusivos para atendimentos no Centro e em Inoã, que funciona diariamente das 8h às 20h, além da Unidade de Saúde da Família de referência.

Todas as 24 USF estão preparadas para prestar a assistência em caso de sintomas e possuem testes rápidos para diagnóstico da Covid-19, que necessitam de três dias com sintomas para serem feitos.

Clique aqui e confira os endereços da unidade mais próxima!

São Gonçalo

Com o aumento constante na procura pelo teste, principalmente no Centro de Triagem do Zé Garoto, a Secretaria de Saúde de São Gonçalo montou uma tenda na Praça Estephânia de Carvalho, que fica ao lado do Centro, para atender a maior demanda em um espaço aberto. Para o Centro de Testagem, só serão encaminhados aqueles que positivarem no exame e precisarem passar por atendimento médico. Além da tenda, há atendimento em outros 11 locais espalhados pela cidade.

  • Centro de Triagem ao Coronavírus, no Zé Garoto, diariamente, das 8h às 18h;
  • PAM Coelho, PAM Neves, PAM Alcântara; Clínica Municipal Gonçalense Barro Vermelho; Clínica da Criança (0 a 12 anos); Polo Sanitário Rio do Ouro; Polo Sanitário Jorge Teixeira de Lima, no Jardim Catarina; Polo Sanitário Hélio Cruz, no Alcântara e Polo Sanitário Paulo Marques Rangel, no Porto do Rosa, de segunda a sexta, das 9h às 16h;
  • Clínica Municipal Gonçalense do Mutondo: de segunda a sexta, das 8h às 20h; e sábado, das 8h às 13h;
  • O Hospital Franciscano Nossa Senhora das Graças, Lagoinha, diariamente, 24h;

Vale lembrar que os locais atendem por ordem de chegada, alguns com distribuição de senhas e outros com distribuição de senhas uma hora antes do encerramento para quem já estiver na fila. Mas, dependendo do número de pessoas à espera de atendimento, a distribuição de senhas poderá ser antecipada.

Itaboraí

A Prefeitura de Itaboraí, através da Secretaria de Saúde também ampliou o número de locais para a realização de testes rápidos de antígeno para identificar casos positivos da doença, com resultados em 15 minutos. Inicialmente, os exames estão disponíveis em 16 Unidades Básicas de Saúde (UBS) espalhadas pela cidade.

Os testes podem ser realizados de segunda a sexta-feira, de 8h às 17h, em pacientes que estejam entre o terceiro e sétimo dia de sintomas.

Locais

Tenda de vacinação contra Covid-19
Fórum da Comarca de Itaboraí
Endereço: Av. Vereador Hermínio Moreira, Centro
Segunda a sexta-feira, de 8h às 16h

Unidade de Saúde da Família Otacílio José Rafael (USF Aldeia da Prata)
Endereço: Rua Três, Aldeia da Prata.

Unidade de Saúde da Família Lizete Fernandes de Souza (USF Reta Velha)
Endereço: Rua Dois, Praça Claudinei Santos Tavares, Esperança.

Unidade de Saúde da Família Dimas Monteiro Nogueira (USF Visconde)
Endereço: Avenida Presidente Médici, Visconde de Itaboraí.

Unidade de Saúde da Família (USF) Planalto do Marambaia
Endereço: Rua Tocantins, lt. 4, qd 20, Marambaia.

Unidade de Saúde da Família Saddy Ribeiro Gomes (USF Ampliação I)
Endereço: Rua Papa João XXIII, Ampliação.

Unidade de Saúde da Família Luís José de Marins (USF Sapê)
Endereço: Estrada do Sapê, São Miguel.

Unidade de Saúde da Família Vereador Mário Scotelaro Rodrigues (USF Pachecos)
Endereço: Rodovia RJ-114, km 13, Pachecos.

Unidade de Saúde da Família da Mangueira
Endereço: Estrada Ademar Ferreira Torres, 43, c. 3, Badureco.

Unidade de Saúde da Família Maria do Rosário Oliveira (USF Apolo)
Endereço: Rua Alcebíades Gomes Pereira, lt. 48, qd. 40, Apolo II.

Unidade de Saúde da Família Wanderley Vieira de Almeida (USF Areal)
Endereço: Avenida Carlos Lacerda, Areal.

Unidade de Saúde da Família (USF) Helianópolis
Endereço: Rua VII, lt. 88 – Santo Antônio.

Unidade de Saúde da Família Edith Maria de Oliveira (USF São Joaquim)
Endereço: Rua José Leandro – Retiro São Joaquim.

Unidade de Saúde da Família (USF) Porto das Caixas
Endereço: Rua Tenente Joaquim Rabelo de Matos, 353 – Porto das Caixas

Unidade de Saúde da Família Maria Aparecida da Silva Pereira – USF Joaquim de Oliveira
Endereço: Rua Vinte e Dois, s/n – Joaquim de Oliveira

Unidade de Saúde da Família Maria Ferreira dos Santos – USF Nova Cidade
Endereço: Avenida Américo da Costa Cardoso, s/n – Nova Cidade

Unidade Básica de Saúde (UBS) Chácaras Sambaetiba

Endereço: Largo da Estação, s/n –Chácaras Sambaetiba – Sambaetiba