Esportes

Seleção brasileira amassa Belarus e vai às quartas de final no beach soccer

Imagem ilustrativa da imagem Seleção brasileira amassa Belarus e vai às quartas de final no beach soccer
Brasil passeou diante da equipe bielorrussa. Foto: Reprodução/Redes Sociais

A Seleção Brasileira conseguiu um importante resultado na Copa do Mundo de Beach Soccer, na Rússia. Nesta terça-feira (24), a equipe canarinha goleou Belarus por 5 a 0 e confirmou sua classificação às quartas de final após ficar em segundo lugar no Grupo C.

O primeiro período foi de pouca qualidade técnica e muita transpiração. Logo nos primeiros minutos, o Brasil saiu na frente em gol de pura raça. O camisa 9 Rodrigo dividiu com o goleiro, ganhou da zaga na força e ficou com a sobra para mandar às redes. Muita vibração de todo o time diante da importância do confronto.

A jogada mais plástica da primeira etapa foi dos bielorrussos. De costas para o gol, Ryabko levantou a bola e acertou uma linda bicicleta. A bola explodiu na trave cruzou toda a extensão da baliza do goleiro Mão. Seria um golaço. Depois disso, foram raras as chegadas do adversário.

Sofrendo muitas faltas no campo de defesa, o Brasil arriscou algumas vezes - mas todas sem sucesso. A chance de ampliar veio já no fim, quando Filipe recebeu de Datinha e fez um bonito malabarismo para finalizar, mas o goleiro Mahaletski salvou no abafa.

O segundo tempo também começou com mais um gol brasileiro. Após quase ampliar em duas oportunidades com Mauricinho, a Seleção chegou forte com Edson Hulk, que fintou o zagueiro, limpou a jogada e soltou uma bomba cruzada. A bola ainda explodiu na trave antes de entrar. Boa vantagem para a equipe canarinha.

Belarus não conseguia reagir. Com muitos erros de passes, as jogadas do adversário não saíam e, conforme o tempo passava, o desespero era maior - resultando em mais faltas para o Brasil. Em um desses lances, a Seleção aproveitou bobeira da zaga e Filipe foi lançado na cara do gol, sendo derrubado por Mahaletski, que fazia grande partida. Ele acabou levando o cartão amarelo.

Na cobrança, Luiz Henrique quis colocar e acabou chutando fraco, facilitando a boa defesa de Mahaletski. Para a sorte do Brasil, na sequência do lance, o goleiro foi enganado pelo quique da bola e acabou cometendo novo pênalti. Ao receber o segundo amarelo, ele foi expulso. Encarregado pela cobrança, Lucão soltou o pé e colocou o 3 a 0 no placar.

Antes do intervalo, a Seleção ainda chegou na goleada. Em contra-ataque puxado pelo goleiro Mão, que acertou um lindo lançamento, Lucão driblou o goleiro com muita tranquilidade e apenas empurrou para o gol vazio. Com o 4 a 0, Belarus se entregou de vez, encaminhando a classificação brasileira.

Os brasileiros entraram no terceiro período para administrar a boa vantagem no marcador. Mesmo sem forçar, a equipe canarinha chegou ao quinto gol. Mauricinho foi lançado em profundidade com muita liberdade, driblou o goleiro e empurrou para o gol. Virou passeio, 5 a 0!

Com a goleada, a Seleção garantiu a segunda posição do Grupo C, com seis pontos em três jogos, e, consequentemente, a vaga no mata-mata. A Suíça, com três vitórias, ficou com a liderança da chave. Nas quartas de final, o Brasil enfrenta a equipe de Senegal, quinta-feira (26), às 9h.

Confrontos

A partida entre Brasil e Bielorrússia foi a última da fase de grupos. Desta forma, todos os confrontos das quartas já estão definidos.

26/08 - 9h - Senegal x Brasil
26/08 - 10h30 - Suíça x Uruguai
26/08 - 13h - Taiti x Japão
26/08 - 14h30 - Rússia x Espanha

< Polícia deixa criminoso sem papel higiênico em SG Prefeitura de Niterói e UFF estudam prevenção de desastres naturais <