Esportes

Tite convoca Seleção com seis campeões olímpicos e uma novidade

Imagem ilustrativa da imagem Tite convoca Seleção com seis campeões olímpicos e uma novidade
Tite convocou os jogadores que defenderão o Brasil nas Eliminatórias da Copa. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Visando o desafio triplo pelas Eliminatórias da Copa do Mundo do Catar 2022, em setembro, o técnico Tite convocou os 25 jogadores que defenderão a liderança da Amarelinha. Entre eles estão seis integrantes da equipe olímpica, medalha de ouro em Tóquio, e uma novidade que chamou atenção.

O experiente lateral-direito Daniel Alves, peça importante na campanha da equipe de André Jardine, puxa a lista dos campeões olímpicos convocados. Além dele, Guilherme Arana, Bruno Guimarães, Claudinho, Matheus Cunha e Richarlison, que completaram a espinha dorsal do Brasil no Japão, também foram chamados. Tite explicou a estratégia.

"A gente busca sempre concorrência de performance. Quando temos a integração com as categorias de base há uma similaridade de conduta ética, de ver futebol muito parecido. Fica o reconhecimento ao Jardine, ao Gustavo ao Paulo. Uma grande conquista. Aquele jovem que olha para a Seleção e vê os exemplos dos profissionais fica muito importante", afirmou.

Outro detalhe que deu o que falar foi a primeira convocação de Raphinha, do Leeds, da Inglaterra. Revelado pelo Avaí, ele acumula passagens por Vitória de Guimarães e Sporting, de Portugal, e Rennes, da França. Ele abriu mão de disputar a Champions League pelo clube francês para abraçar o projeto do clube inglês, recém-promovido à Premier League após 16 anos. Hoje, o brasileiro é uma das grandes sensações da equipe de 'El Loco' Bielsa.

O treinador da Seleção Brasileira contou que sua equipe já analisava o jogador há algum tempo e dissecou suas características.

"O Raphinha já estamos acompanhando há algum tempo, desde a subida para a Premier League. Buscamos as informações de todas as formas, tem uma característica técnica de drible muito acentuada. Número de gols importantes, jogador decisivo. Ele tem componentes técnicos, velocidade de um externo com qualidade", disse Tite.

Esta é a primeira convocação brasileira após o vice-campeonato da Copa América, perdendo para a Argentina de Messi em pleno Maracanã. O técnico admitiu que a performance precisa melhorar dentro de campo.

"Vamos procurar melhorar o processo criativo, para que em algum momento a Seleção possa ter um futebol mais brilhante", finalizou.

O Brasil enfrenta o Chile, em Santiago, no dia 2 de setembro. No dia 5, faz clássico com a Argentina, na Neo Química Arena, em São Paulo. Por último, no dia 9, enfrenta o Peru, na Arena Pernambuco, no Recife.

Convocação completa

  • Goleiros: Alisson (Liverpool), Ederson (Manchester City) e Weverton (Palmeiras);
  • Zagueiros: Thiago Silva (Chelsea), Marquinhos (PSG), Éder Militão (Real Madrid), Lucas Veríssimo (Benfica)
  • Laterais: Danilo (Juventus), Alex Sandro (Juventus), Guilherme Arana (Atlético-MG), e Daniel Alves (São Paulo);
  • Meio-campistas: Bruno Guimarães (Lyon), Casemiro (Real Madrid), Fabinho (Liverpool), Fred (Manchester United), Claudinho (Zenit), Éverton Ribeiro (Flamengo), Lucas Paquetá (Lyon)
  • Atacantes: Neymar (PSG), Firmino (Liverpool), Matheus Cunha (Hertha Berlin), Raphinha (Leeds), Gabriel Jesus (Manchester City), Richarlison (Everton), Gabigol (Flamengo).
< Rio lança programa para acolher população de rua em dias de frio Nova geração: Gabriel Medina e Ítalo Ferreira caem para brasileiros novatos <