Imóvel na planta ou usado?

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
mãos, chave, aluguel, habitação, imóvel, divulgação
É preciso avaliar as vantagens e desvantagens de cada uma das opções. Foto: Divulgação

A compra de um imóvel é um dos momentos mais importantes na vida de uma família e é preciso fazer escolhas diante das possibilidades oferecidas pelo mercado. De um lado, os imóveis ainda na planta. De outro, as moradias prontas, recém-construídas ou usadas.

É preciso avaliar as vantagens e desvantagens de cada uma das opções e isso varia de acordo com o perfil do comprador, de suas expectativas, do prazo para a mudança, do planejamento financeiro, entre outros fatores relevantes.

Recém-casados e casais com filhos pequenos ou adolescentes costumam olhar para o apartamento na planta com mais interesse. São atraídos por construções modernas, com cômodos reversíveis, varandas para arejar o ambiente e ampliar a área útil do imóvel. Além disso, querem opções para lazer e outras comodidades nos espaços comuns do condomínio, presentes nos novos projetos.

Entre as vantagens, o imóvel na planta custa menos que uma unidade pronta. A entrada, entre 20% a 30% do valor total, pode ser parcelada ao longo da obra. A possibilidade de personalizar a moradia, como a escolha de revestimentos, é outro atrativo. Se não há pressa de mudar, a opção se encaixa, já que a construção pode levar cerca de dois anos para ser entregue.

Por outro lado, para aqueles que têm a necessidade de fazer a mudança de forma mais imediata, a melhor opção é a compra de um imóvel pronto, seja “recém-saído do forno” ou mais antigo. A opção atende aos que preferem a arquitetura mais tradicional, com cômodos mais espaçosos, e não fazem questão de áreas de lazer tão diversas nas áreas comuns.

As unidades prontas, mas novas, tem o preço mais elevado se comparadas aos usados mais antigos, que custam menos. Mas ao adquirir um imóvel de outro proprietário, é preciso ficar atento à documentação do imóvel e avaliar a necessidade de reformas. Novos, antigos ou na planta, a procura por imóveis em Niterói continua aquecida. Seja qual for a escolha, na hora de comprar consulte as imobiliárias associadas à ADEMI-Niterói para uma consultoria profissional. E tenha a certeza de concretizar um excelente negócio.

Presidente da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Niterói (Ademi), Richard Sonsol é formado pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e manager da Bacos Construtora.

Presidente da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Niterói (Ademi), Richard Sonsol é formado pela Universidade Federal Fluminense (UFF) e manager da Bacos Construtora.