MSN Messenger voltou e dessa vez também no celular

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Serviço de mensagens já está disponível para Android. Foto: Eduarda Hillebrandt
Serviço de mensagens já está disponível para Android. Foto: Eduarda Hillebrandt

Quem já fez uso do programa de mensagens instantâneas online criado pela Microsoft Corporation, o ‘MSN Messenger’, de certo sente saudades do serviço, não é mesmo? Ele foi lançado pela empresa em 1999 e virou febre no Brasil, mas acabou descontinuado em 2013.

Aconteceu que o MSN voltou e dessa vez também via mobile. Isso porque, recentemente, foi lançado para o sistema operacional Android, o ‘MSN Messenger – Windows Live Messenger’, disponível para celulares.

O novo programa, no entanto, não foi criado pela Microsoft, ou seja, ele não é oficial. Ao abrir o aplicativo nostálgico, o usuário logo se depara com uma interface que relembra o original e a seguinte mensagem:

“Bem-vindo ao Chat Live Messenger. Esse app serve apenas para matar saudades de um software antigo, não pertence a Microsoft e nem funciona com sua conta da Microsoft. Note que ainda estamos em versão Beta, porquanto, bugs poderão ser encontrados e mais recursos serão adicionados posteriormente”.

Até o momento, mais de 10 mil downloads já foram feitos do aplicativo, que reproduz fielmente os recursos do antigo programa: emojis, winks que saltam na tela e até mesmo nudge (o famoso “chamar a atenção”). Segundo a Google, o aplicativo foi lançado em 14 de agosto e recebeu a última atualização no dia 17.

Entrando ainda mais no universo do mensageiro dos anos 2000, o MSN atual traz as funções ‘queridinha’ dos usuários: a opção ficar invisível e a que avisa quando um amigo entra no aplicativo, com direito a som de notificação (que deixava o coração dos apaixonados disparado quando o(a) ‘crush’ ficava online).

Funções atuais e disponíveis no WhatsApp também são encontradas no MSN 2019, como gravar áudios e confirmação de leitura.