Cidades

Alunos adolescentes são vacinados contra Covid-19 em escolas de Itaboraí

Imagem ilustrativa da imagem Alunos adolescentes são vacinados contra Covid-19 em escolas de Itaboraí
A iniciativa é uma parceria da Secretaria Municipal de Saúde com a Secretaria Municipal de Educação. Foto: Ascom Itaboraí

Para ampliar o acesso de adolescentes de 12 a 17 anos à vacinação contra Covid-19, a Prefeitura de Itaboraí iniciou uma busca ativa em escolas do município. Nesta sexta-feira (24), foi a vez dos alunos da Escola Municipal Geremias de Mattos Fontes, em Sambaetiba, receberem a primeira dose da Pfizer. A iniciativa é uma parceria da Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA) com a Secretaria Municipal de Educação (SEMED).

A ação foi realizada pela Superintendência de Vigilância em Saúde, por meio da Coordenação de Saúde da Criança e do Adolescente, do Programa Saúde na Escola (PSE) e da Coordenação de Estratégia de Saúde da Família, com apoio da Coordenação de Saúde do Homem. A aplicação das vacinas foi feita por uma equipe de enfermagem da Unidade Básica de Saúde (UBS) Chácaras Sambaetiba.

De acordo com a coordenadora de Saúde da Criança e do Adolescente, Bianca Sydio, a busca ativa em escolas tem o objetivo de democratizar o acesso à campanha de vacinação contra Covid-19, principalmente em regiões mais afastadas do centro da cidade. Essa ação teve início, na última quinta-feira (23), na Escola Municipal Alfredo Torres, localizada em Muriqui, no distrito de Pachecos.

"Identificamos os principais bairros que mais precisavam dessa busca ativa no ambiente escolar. Nosso objetivo é atingir o maior número de adolescentes vacinados no município de Itaboraí, para também facilitar o retorno integral das atividades escolares para esses estudantes", destacou a coordenadora.

Segundo a diretora geral da Escola Municipal Geremias de Mattos Fontes, Anacleici Barbosa, o levantamento interno da unidade identificou que cerca de 60 alunos da faixa etária apta para a vacinação ainda não haviam tomado a primeira dose. Ao todo, a escola atende mais de 600 estudantes, da educação infantil à Educação para Jovens e Adultos (EJA).

"A vacinação em massa garante mais segurança no convívio do ambiente escolar, tanto para os alunos, quanto para os funcionários. Enviamos um comunicado às famílias informando sobre a imunização e também a outras escolas da região para facilitar esse acesso à campanha", explicou a diretora.

Dose de reforço

O município iniciará, na próxima segunda-feira (27), a aplicação da dose de reforço para idosos a partir de 75 anos, idosos institucionalizados e acamados com seis meses completos da última vacina contra Covid-19. E também para pacientes com alto grau de imunossupressão acima de 18 anos que receberam as duas doses de qualquer vacina contra Covid-19, com intervalo de 28 dias após a última dose.

Simultaneamente, também podem se vacinar adolescentes de 12 a 17 anos e a população geral acima de 18 anos para garantir a primeira dose. A Prefeitura de Itaboraí, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA), ressalta que o planejamento será mantido enquanto durarem os estoques de vacinas.

A vacinação contra Covid-19 no município foi ampliada para 34 postos de saúde, com horário estendido de 8h às 15h. Para garantir a imunização, é necessário que o itaboraiense apresente comprovante de residência, documento de identificação com foto, Cadastro de Pessoa Física (CPF) ou cartão do SUS.

< Internautas criticam namorado de Jojo Todynho e famosa rebate Solteiríssima! Possível affair de Joelma com "Agroboy" foi jogada de marketing <