Chuva

Moradores protestam contra falta de energia em Niterói

A via chegou a ser bloqueada com objetos

O protesto foi na rua Visconde de Itaboraí, no Centro
O protesto foi na rua Visconde de Itaboraí, no Centro |  Foto: Rwprodução
 

Moradores da rua Visconde de Itaboraí, no Centro de Niterói, protestaram, na tarde desta deste domingo (10), contra a falta de energia na região. Eles dizem que ficaram sem luz depois da forte chuva que atingiu a cidade na noite de sábado (9).

"Estava na casa da minha avó em Icaraí, e ao retornar para casa no Centro, encontrei-a sem luz. A vizinha informou que houve uma queda de energia devido à chuva. A Enel prometeu enviar uma equipe até as 15 horas, mas até agora, ninguém apareceu," relatou Raphaelle Brum, de 42 anos, assistente de combate a fraudes.

Diante da demora da equipe técnica da Enel, os moradores decidiram bloquear o tráfego de veículos em uma das principais vias da região.

“Já passou bastante tempo e ninguém veio resolver o problema. Outra vez ficamos três dias sem luz”, lembrou Raphaelle.

Duas equipes de policiais do 12º BPM (Niterói) estiveram no local para para controlar a situação. A Enel Distribuição Rio foi procurada, mas não havia respondido até a publicação desta matéria.

 

Niterói segue em estágio de atenção

Niterói segue em estágio de atenção desde às 19h20 deste sábado (9) quando foi anunciada a chegada de núcleos de chuva forte acompanhados de raios e rajadas de ventos. A Prefeitura de Niterói permanece com equipes trabalhando para mitigar os impactos das fortes chuvas da noite. Mais de 300 agentes estão atuando nas ruas da cidade. O maior índice de acumulado foi registrado no Morro do Estado, quando em 15 minutos, chegou a 34,2 mm. Para o período da tarde e noite, permanece a previsão de chuva fraca a moderada, além de ventos fortes. Em caso de emergência, a população deve ligar para o 199 ou 2620-0199.

Os maiores acumulados de chuva registrados em 15 minutos foram 34,2 mm no Morro do Estado, Cavalão com 33,4 mm, 33 mm no Pé Pequeno, 29,6 mm no Bairro de Fátima e 27 mm no Boa Vista.

< Niterói terá o primeiro passeio de bicicletas elétricas do Brasil Lucas Buda chora de preocupação por Camila Moura <