Polícia

Milicianos acusados de homicídio são presos no Rio

Imagem ilustrativa da imagem Milicianos acusados de homicídio são presos no Rio
Operação acontece entre a DH da Capital e o MPRJ. Foto: Agência Brasil

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), em conjunto com a Delegacia de Homicídios da Capital, realiza uma operação, nesta segunda-feira (23), para prender quatro denunciados por um homicídio praticado em fevereiro no bairro de Guaratiba. Até as 10h30, três haviam sido presos e um estava foragido.

A vítima, Francisco Adriano Tomás, foi executada com pelo menos 44 disparos de arma de fogo. O crime se deu em razão de uma dívida financeira com a milícia. Ainda segundo a denúncia, não satisfeitos, os denunciados furtaram pertences do corpo e da residência da vítima e ameaçaram ao menos uma testemunha. 

Os quatro foram denunciados pelo GAECO/MPRJ por homicídio e furto. Três deles também foram denunciados por constituição de milícia privada. Os mandados de prisão e de busca e apreensão foram expedidos pelo Juízo do III Tribunal do Júri.

< 'Pior time do mundo', Íbis goleia e se classifica Jakelyne fala sobre Biel com Tays: "não quis nem conversar" <