Esportes

Sem vacina, astro da NBA fica inelegível e perde mais de R$ 2 milhões

Imagem ilustrativa da imagem Sem vacina, astro da NBA fica inelegível e perde mais de R$ 2 milhões
Kyrie Irving vai desfalcar os Brooklyn Nets em casa enquanto não se vacinar. Foto: Reprodução/Redes Sociais

Mais uma polêmica na NBA. O astro do Brooklyn Nets, Kyrie Irving, ficará de fora da partida desta sexta-feira (8), contra o Milwaukee Bucks, válido pela pré-temporada de 2021/22. O motivo é a ausência da aplicação de pelo menos a primeira dose da vacina contra a Covid-19.

Como a partida vai ser realizada em Nova York, todos os atletas precisam declarar seu status do ciclo vacinal - coisa que Irving se recusa a fazer. Ele não aparece nos treinos desde a última segunda-feira (4), quando a equipe voltou do acampamento de treinos em San Diego, onde não há exigência de comprovação em relação à imunização.

Desta forma, Kyrie tornou-se inelegível para o confronto, perdendo 380 mil dólares (pouco mais de R$ 2 milhões). Enquanto não se vacinar, o jogador não poderá participar dos duelos em Nova York, onde fica a arena dos Nets. A punição se deve a um acordo entre a NBA e o sindicato dos jogadores - descontando uma porcentagem do salário a cada jogo perdido devido a desdobramentos relacionados ao novo coronavírus.

Sendo assim, caso decida não se vacinar contra a Covid-19, o jogador será descontado neste mesmo valor a cada jogo em que estiver inelegível. Ao fim da temporada, o prejuízo pode chegar a 15 milhões de dólares (R$ 82,16 milhões) dos 33 milhões (R$ 180,74 milhões) que receberia até 2022.

Histórico polêmico

As atuações de Kyrie Irving em quadra são incontestáveis e o elevam ao nível das principais estrelas da NBA. No entanto, fora de quadra, o jogador costuma se destacar por declarações no mínimo polêmicas. Em um passado não muito distante, ele já deu declarações apoiando o terraplanismo e dando a entender que é antivacina.

Segundo publicação da revista americana Rolling Stone, Irving já declarou apoio aos negacionistas, desacreditando da ciência como um todo. Além disso, o atleta tem curtido publicações referentes a teorias da conspiração no Instagram - afirmando que sociedades secretas estão implantando chips através das vacinas em um plano para conectar os jogadores negros a um computador mestre.

Em 2017, em entrevista ao podcast "Road Trippin", Kyrie falou um pouco sobre suas crenças. Em uma delas, afirmou acreditar que Bob Marley foi assassinado pela CIA "por tentar unir o povo através do amor e da verdade". Lá, ele também afirmou que "a Terra é plana e isso nem é uma teoria da conspiração".

< Procon realiza ação de orientação em parques e circos de Niterói e região RBR Solar surge em Niterói como solução para quem quer fugir do preço alto na conta de luz <