Brasil & Mundo

Covid-19: uso emergencial da vacina é aprovado pela Anvisa

Imagem ilustrativa da imagem Covid-19: uso emergencial da vacina é aprovado pela Anvisa
Informação foi divulgada nesta quinta-feira (10) durante reunião. Foto: Governo do Estado de São Paulo

Com a alta no número de casos de Covid-19 no Brasil e a corrida pela imunização, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou, em caráter emergencial, uma vacina contra o novo coronavírus. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (10) durante reunião da diretoria colegiada do órgão.

Por enquanto, não há registros oficiais sobre o imunizante, tratando-se apenas de uma oficialização pela diretoria de pedido de uso emergencial de vacinas que já havia sido anunciado no último mês de dezembro.

O órgão explica ainda que nenhum laboratório fez a solicitação para produzir o antídoto, mas que, para concessão da autorização temporária, vai analisar caso a caso, com a decisão ficando a cargo da diretoria.

Serão considerados dados de estudos clínicos e não clínicos, de qualidade, boas práticas de fabricação, estratégias de monitoramento e controle, resultados provisórios de ensaios clínicos, entre outras evidências científicas.

Além disso, a empresa deve apresentar informações que comprovem que a fabricação e a estabilidade são adequadas para garantir a qualidade do imunizante.

A autorização de uso emergencial e temporária de uma vacina contra a Covid-19 é restrita a um público previamente definido. Ela não substitui o registro sanitário. A modalidade de uso emergencial e temporário está prevista em regulamento e pode trazer benefícios a determinados e controlados grupos, como medida adicional para o enfrentamento da pandemia. O pedido de uso emergencial e temporário deve ser submetido pela empresa desenvolvedora da vacina contra Covid-19.

< Torcida Organizada do Vasco invade treino para cobrar elenco Botafogo tem interesse em artilheiro da Série B <