Cidades

Estudo para VLT de Charitas ao Barreto é discutido em Niterói

Imagem ilustrativa da imagem Estudo para VLT de Charitas ao Barreto é discutido em Niterói
Pelo projeto, linha ligará Charitas ao Terminal João Goulart, no Centro, e seguirá para o Barreto. Foto: Pedro Conforte

O prefeito eleito de Niterói, Axel Grael (PDT), se reuniu, na manhã desta segunda-feira (7) com representantes do consórcio que fará o estudo de viabilidade técnica e financeira do VLT (Veículo Leve sobre Trilhos).

A agenda de transição também contou com reuniões com o futuro secretário Executivo, Bira Marques, e com o secretário de Urbanismo, Renato Barandier, que se manterá no cargo.

Técnicos do consórcio, liderado pela empresa Des Villes et Des Hommes (DVDH), apresentaram ao prefeito eleito a metodologia do estudo que vai avaliar a implantação de uma linha que ligará Charitas ao Terminal João Goulart, no Centro, e seguirá para o Barreto.

O trabalho é financiado e contratado pelo Governo da França, através de um fundo pleiteado pela Prefeitura de Niterói.

"Desafio para todas as grandes cidades do mundo, a mobilidade urbana continuará sendo uma das prioridades da Prefeitura de Niterói. Este estudo de viabilidade é estratégico para o desenvolvimento da nossa cidade"

Axel Grael

O prefeito eleito, que teve Covid, cumpriu o período de isolamento orientado pelos médicos e retomou nesta segunda-feira (7) agendas presenciais do trabalho de transição de governo.

< Axel Grael define 'braço direito' do governo Procissão por Nossa Senhora da Conceição não é autorizada em Niterói <