Cidades

Serviço de odontologia intensiva é implantado em hospital de Araruama

Imagem ilustrativa da imagem Serviço de odontologia intensiva é implantado em hospital de Araruama
Os pacientes que estão em estado grave nos Centros de Tratamento Intensivo passam por higienização bucal frequente. Foto: Ascom Araruama

Depois de retomar as cirurgias de coluna, bucomaxilo e plástica, o Hospital Estadual Roberto Chabo, em Araruama, na Região dos Lagos, montou uma equipe de odontologia intensiva. Diariamente, cirurgiões-dentistas e bucomaxilofacial estão garantindo a higiene bucal dos pacientes internados nos CTIs adulto e pediátrico. 

De acordo com a equipe de profissionais, a higiene bucal previne principalmente pneumonia e outras infecções respiratórias. "Nosso trabalho, junto com toda a equipe multiprofissional, é olhar o paciente como um todo e ajudar no controle de infecções ao aplicar um conjunto de práticas para o bem-estar e a qualidade de vida do paciente", garantem os cirurgiões-dentistas. 

Todos os dias, os profissionais percorrem os leitos de tratamento intensivo e juntos a equipe de enfermagem, médicos, assistentes sociais e fisioterapeutas, buscam informações de cada paciente antes de iniciar cada procedimento. "Assumimos a direção do hospital há quase um mês e vamos procurar colocar em prática muitos projetos que melhorem a qualidade de vida do nosso paciente, como este da odontologia intensiva", afirmou o médico Renato Corredeira.  

Os pacientes que estão em estado grave nos Centros de Tratamento Intensivo passam por higienização bucal frequente. Os demais pacientes, menos graves, recebem devidamente a assistência em casos emergenciais. Além do tratamento tradicional de limpeza e higienização, com gaze e antisépticos, os profissionais hoje estão utilizando a laserterapia para eliminar infecções mais severas na boca devido ao processo de intubação. 

Pacientes e familiares elogiaram o novo serviço. "Quando somos levados para o CTI imaginamos uma situação ruim, grave, até de morte. Eu não imaginava que o hospital tivesse dentista para cuidar dos pacientes internados no CTI. Depois descobri que o trabalho deles também ajuda a salvar vidas", disse o entregador Vinicius Mendes, de 30 anos. 

< The Game Awards surpreende com lançamentos e destaca o vencedor do ano Miliciano preso em Itaboraí executava desafetos do tráfico, diz polícia <