Polícia

MP-RJ mantém parecer favorável de júri popular para Flordelis

Imagem ilustrativa da imagem MP-RJ mantém parecer favorável de júri popular para Flordelis
Flordelis está presa preventivamente desde decisão do juízo da 3ª Vara Criminal de Niterói, de 13 de agosto. Foto: Arquivo/Marcelo Tavares

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MP-RJ)  voltou a defender que a ex-deputada federal Flordelis e outros réus acusados do assassinato do pastor Anderson do Carmo, em 2019, sejam levados a júri popular. Mas, a defesa da parlamentar havia entrado com recurso contra a decisão do Tribunal do Júri que determinou que o juilgamento seja como júri popular. 

No entanto, o MP-RJ apresentou parecer contrário a esse recurso na última sexta-feira (20), por meio da 4ª Procuradoria de Justiça. Posteriormente, o pedido da defesa de Flordelis será julgado pela 2ª Câmara Criminal. 

Ela está presa preventivamente desde decisão do juízo da 3ª Vara Criminal de Niterói, de 13 de agosto, e depois disso, a ex-deputada foi transferida na semana passada para o presídio Talavera Bruce, no Complexo Penitenciário de Bangu, na zona oeste do Rio de Janeiro.

< Hospital de Niterói agora conta com Centro Pós-Covid Após eliminação, Fluminense recebe o Atlético-MG em São Januário <