Cidades

São Gonçalo intensifica fiscalização no trânsito e promove leilão de veículos

Imagem ilustrativa da imagem São Gonçalo intensifica fiscalização no trânsito e promove leilão de veículos
Fiscalização, que foi realizada nos dois sentidos da via, contou com apoio da Secretaria de Ordem Pública, através da Operação São Gonçalo Presente, da Ronda Ostensiva Municipal (ROMU) e da Guarda Municipal. Foto: divulgação

As  irregularidades no trânsito de São Gonçalo têm sido uma pauta constante da Secretaria de Transportes. Nesta quarta-feira (6), as equipes da pasta realizaram mais uma ação conjunta com o Departamento de Trânsito do Estado do Rio de Janeiro (Detran-RJ), na Avenida Jornalista Roberto Marinho, (antiga Avenida Maricá), no bairro do Galo Branco. 

A fiscalização, que foi realizada nos dois sentidos da via, contou com apoio da Secretaria de Ordem Pública, através da Operação São Gonçalo Presente, da Ronda Ostensiva Municipal (ROMU) e da Guarda Municipal. Ao todo, 20 carros e 4 motos irregulares foram rebocados, além de terem sido feitas 115 autuações. Os veículos removidos foram levados para o depósito público, que fica no bairro Estrela do Norte.

"Estamos trabalhando diariamente para melhorar a dinâmica em nossa cidade. A parceria com o Detran e o apoio da Secretaria de Ordem Pública são fundamentais para a organização e segurança das ações pelas vias da cidade", ressaltou o secretário de Transportes, Fábio Lemos, que também vem investindo em ações educativas na cidade. 

Leilão

A Secretaria Municipal de Transportes de São Gonçalo vai realizar um leilão de veículos apreendidos e removidos no município, cujos proprietários já foram notificados. O leilão acontecerá de forma virtual, no dia 20, às 9h.

O artigo 328 do Código de Trânsito Brasileiro prevê que o veículo apreendido ou removido a qualquer título e não reclamado por seu proprietário dentro do prazo de 60 dias, contado da data de recolhimento, será avaliado e levado a leilão, a ser realizado preferencialmente por meio eletrônico.

O leiloeiro será o Sr. Sérgio Luis Represas Cardoso, devidamente matriculado na Junta comercial do Estado do Rio de Janeiro (Jucerja) sob o nº 150. São 128 motos e carros de passeio conservados e sucatas, divididos em material identificado e não identificado.

< Município de Maricá vacinou 99,8% dos adolescentes contra Covid-19 Sob vaias, Fluminense sofre derrota em casa na volta da torcida <