Polícia

Comércios fechados no dia do enterro de 'Pivete' em SG

Imagem ilustrativa da imagem Comércios fechados no dia do enterro de 'Pivete' em SG
Comércios amanheceram fechados nesta sexta. Foto: Lucas Benevides

Nesta sexta-feira (10), grande parte do comércio do Barro Vermelho ainda amanheceu fechado. Desde quinta-feira (9), comerciantes precisaram fechar as portas por ordem de traficantes do bairro por conta do luto imposto pela morte do traficante Leilson Ferreira Fernandes, o 'Pivete'. Ele foi morto na noite de quarta-feira (8), após troca de tiros com policiais militares do Batalhão de São Gonçalo (7°BPM).

Em um supermercado na Rua Doutor Pio Borges, alguns clientes foram pegos de surpresa na manhã desta sexta-feira (10).

"Eu achei que hoje iria abrir, e quando cheguei me deparei com as portas fechadas. Infelizmente não tem muito o que fazer", disse um sem se identificar.

O clima de medo ainda continua entre os comerciantes. Os poucos que abriram preferiram não comentar o caso. Policiais do São Gonçalo Presente fazem patrulhamento na principal via do bairro.

Enterro

O enterro do 'Pivete' está marcado para acontecer ainda nesta sexta (10), no Cemitério Parque da Paz, no bairro Pacheco. O comandante do Batalhão de São Gonçalo (7° BPM), Tenente-coronel Aristheu disse que o policiamento será reforçado nas proximidades do cemitério e a polícia ficará monitorando as movimentações.

Mobilização pela morte do DJ Jeffinho

Muito conhecido no mundo do funk, e também por ser um dos Djs oficiais do famoso "Baile da China", que segundo a polícia era patrocinado pelo 'Pivete', DJ Jeffinho, que também morreu na ação com a polícia, está sendo defendido nas redes sociais.

Um vídeo compartilhado em seu perfil pessoal do Twitter, que mostra imagens do artista, já conta com quase 200 mil visualizações. Internautas compartilham a publicação usando a hashtag 'djnãoébandido'.

O perfil do DJ no Instagram, que nesta quinta-feira (9) tinha 14 mil seguidores, já está na faixa de 21 mil.

Segundo a assessoria do artista, ele não tocava somente no Baile da China. DJ Jeffinho chegou a realizar eventos em casas noturnas da Região dos Lagos no último final de semana e estaria com shows agendados para o mês de setembro em vários lugares do estado.

Ainda de acordo com a assessoria, o DJ tinha 21 anos, era casado e deixou uma filha de um ano e meio.

< São Gonçalo promove ação social para emissão de documentos neste sábado Rio adia campanha de vacinação antirrábica após mortes em Magé <